Kit-encrenca: Organize já o seu!

Não sei se vocês sabem, mas os autores do Vizinho Novo são todos de Blumenau, onde recentemente ocorreu enchente de novo. E digo de novo por que nesses quase 9 anos que moro por aqui, já é a segunda que pego.

Pode parecer forçação de barra, mas tragédias acontecem sim! Não é só na televisão não, um belo dia o mundo vem a baixo e você pode estar ali no meio!

E, pensando nisso, é sempre bom estar preparado.

Você tem um kit-encrenca em casa? Não? Não tem ideia do que seria isso?

Ok, vamos às dicas!

Kit-encrenca: As coisas que você PRECISA ter em casa, e fica na torcida para nunca precisar usar!

1) Galochas:
Eu conhecia isso na minha infância como “botas de chuva” mesmo. Extremamente necessárias em casos de desastres naturais. Aqui em Blumenau, depois da enchente, a cidade ficou virada em barro. E tem que considerar que esse barro não nada benéfico à saúde (muito pelo contrário).  Vi muita gente andando com sacolas de plástico amarradas até o tornozelo para se proteger, mas elas são finas e não aguentam muito tempo.
E o legal das galochas é que os fashionistas andaram pegando gosto pela coisa: você encontra elas com tudo que é tipo de estampa por aí. Além de sair protegido, ainda sai chique, beim.

2) Velas de emergência:
Feinhas, desengonçadas e bem baratinhas. Você encontra pacotinhos dessas velas brancas em qualquer super-mercado, provavelmente perto dos produtos de limpeza.
Não precisa ser grande tragédia: um acidente de trânsito pode derrubar um poste e deixar você sem luz em casa por tempo indeterminado. Daí a vela pode ser uma grande companheira para passar o tempo lendo, estudando, jogando carta ou qualquer coisa do tipo.

3) Fósforos:
Muita gente tem fogão em casa com acendedor automático, ou aqueles negocinhos que você “clica” e gera uma fagulha para acender o fogão (eu tenho desse!). A menos que você seja escoteiro e saiba como fazer fogo com pedras ou raspando madeira, ter fósforos em casa para uma falta de energia elétrica é tão necessário quanto ter as próprias velas.

4)  Rádio de pilha
Não é pra rir! Durante a enchente, uma das coisas que mais nos fizeram falta foi um rádio de pilha! De tempos em tempos a gente ouvia as noticias pela rádio do celular, mas não dava pra abusar muito, pois precisávamos manter o celulares com bateria o bastante para caso precisássemos ligar para alguém. Fica a dica: Arrume um radinho de pilha, guarde em uma gaveta. Um dia você vai precisar dele.

5) Lanternas:
Mesma coisa das velas, mas com seus prós e contras: O bom das lanternas é que elas iluminam melhor o local, a luz não é trêmula, e se você precisar ir ver o que aconteceu com o dijuntor da casa, é muito mais aconselhável. O lado ruim é que você vai precisar ter pilhas sempre carregadas em casa, sob risco de ficar na mão.
A lanterna da imagem ao lado é uma lanterninha de LED. Super aconselho uma dessas, pois a luz é bem forte e ela consume pouquíssima energia das pilhas, durando muuuuito mais tempo que as lanternas normais.

6) Pilhas:
Se você vai ter radinho de pilha e lanterna em casa, bom, a menos que ambos sejam carregados à luz solar, você vai precisar de pilhas. Se você tem daquelas recarregáveis em casa, é bem importante mantê-las carregadas, não deixar para carregar somente quando precisar.

7) Comida!
Sim! Essas história de só comprar comida para comer agora pode ser um problema!
Você não precisa ser como a sua avó, que fazia rancho todo o mês no super-mercado, enchia as prateleiras da despensa e abarrotava a geladeira. Mas ter uma certa quantidade de alimentos não perecíveis em casa é sempre bom. E repare: não precisa ser o clássico arroz-feijão. Macarrão instantâneo, farinha para fazer bolo, bolachas, biscoitos, cereais, essas coisas todas também são não-perecíveis e também podem ser muito bem-vindas em situações de isolamento.

 

Daí, claro né gente, tem mais um monte de coisas que são super úteis nessas situações, como ter baterias para luzes de emergência, abastecimento de gás para cozinhar, caixa d’água com reserva para ter estoque caso falte, lanternas potentes, etc. Isso vai de acordo com a situação e com o seu conhecimento de manuseio das coisas.

Mas no geral esses 7 ítens já podem salvar vidas. 😉

Shampoo

30 anos, Ilustradora e publicitária. Tem o blog www.shampoo.art.br desde 2000 com ilustrações e assuntos relacionados. Já trabalhou com quase todos os estilos de criação comercial (webdesign, direção de arte, design, moda, estamparia, quadrinhos, etc.). Já estudou japonês, coleciona bonecas Blythe, fotografa por hobby, saiu da casa da mãe em Porto Alegre/RS para começar uma vida a dois em Blumenau/SC. Hoje é diretora de arte da Brava Propaganda (www.bravapropaganda.com.br) onde cuida de vários clientes da região do vale do Itajaí com criação, ilustrações e webdesign. É casada há 9 anos e descobre uma nova maneira de facilitar a vida a cada dia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *